3 passeios de Trem imperdíveis partindo de SP para fazer nas férias

Sim, ainda é possível fazer um passeio de trem por aqui no fim de semana. São momentos como esse que ficam para sempre na memória. Quem já foi sabe bem o que estou falando.

São trechos curtos, que duram algumas horas de passeio, mas que oferecem um visual e uma sensação mista de nostalgia e aventura inesquecíveis.

Mas há, também, alguns roteiros mais longos, que cruzam de um estado para outro. É o caso do trem de passageiros da Estrada de Ferro Vitória-Minas, operada pela Vale, e que liga Belo Horizonte (MG) a Vitória (ES) e o trem de passageiros da Estrada de Ferro dos Carajás, também operada pela Vale, que liga São Luís (MA) a Parauapebas (PA). Em breve todos esses trecho estarão disponíveis também aqui no MeuFindi.

Selecionamos 3 passeios de trem, na capital e no interior que contam, muita história e oferecem lindas paisagens. Aproveite para curtir o melhor da vida com quem você mais gosta. A gente te ajuda.

Trem Expresso Turístico Paranapiacaba

Esse é o mais novo trajeto do Expresso Turístico. Localizada no município de Santo André (SP), Paranapiacaba é uma charmosa vila de arquitetura inglesa que já se candidatou a Patrimônio Mundial da Humanidade e foi testemunha de uma importante fase de expansão da tecnologia ferroviária no Brasil na segunda metade do século XIX.

Lá, os passageiros poderão conhecer diversas atrações culturais e ecológicas, como o Museu do Castelinho, o Parque Natural Municipal Nascentes de Paranapiacaba e a Casa da Memória.

A viagem

Feita a bordo de uma composição, formadas por dois carros de aço inoxidável fabricados no Brasil na década de 50 e tracionados por uma locomotiva da década de 1950, totalmente reformada.

O percurso de 48 Km leva 1h30 e é realizado ao longo da atual Linha 10-Turquesa, proporcionando ao turista uma viagem no tempo.

Entre os destaques estão as estações Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra, tombadas recentemente pelo patrimônio histórico de São Paulo. Elas foram construídas pela antiga empresa britânica SPR (São Paulo Railway) ― primeira ferrovia paulista, inaugurada em 1867.

Além disso, é possível encontrar em operação em Paranapiacaba a segunda locomotiva mais antiga do Brasil, que pertenceu à SPR e hoje integra o acervo da Associação Brasileira de Preservação Ferroviária (ABPF). Anualmente, no mês de julho, a vila também é palco do tradicional Festival de Inverno de Paranapiacaba, que reúne estrelas da MPB, rock, música clássica e atrações internacionais.

Todos os anos, no mês de julho, acontece em Paranapiacaba o Festival de Inverno com comidas típicas, shows de bandas famosas, bebidas quentinhas e muita neblina, como se fosse na Inglaterra.

Quando: todos os domingos, às 8h30 (estação da Luz) e às 9h (estação Santo André). O trem retorna de Paranapiacaba às 16h30.

Quanto: trajeto Luz > Paranapiacaba
1 usuário: R$ 45
1 usuário e 1 acompanhante: R$ 75
1 usuário e 2 acompanhantes: R$ 105
1 usuário e 3 acompanhantes: R$ 135

trajeto Celso Daniel (Sto André) > Paranapiacaba
1 usuário: R$ 40
1 usuário e 1 acompanhante: R$ 70
1 usuário e 2 acompanhantes: R$ 100
1 usuário e 3 acompanhantes: R$ 130

Para quem gosta de pedalar, é possível comprar um bilhete extra para levar sua bicicleta no trem no Vagão Bicicletário (ida e volta):
1 bicicleta R$ 5
2 bicicletas R$ 10
3 bicicletas R$ 15
4 bicicletas R$ 20,00

Onde comprar: A passagem pode ser adquirida todos os dias, das 9 às 18h, nas bilheterias das estações Luz e Santo André. O bilhete de trem não contempla os passeios locais.

Central de Relacionamento e informações ao usuários 0800 055 0121

Embarque: estação da Luz e estação Santo André
Linha 11 Coral – Estação Luz:
Praça da Luz, nº 01 (Bom Retiro) / Rua Mauá, nº 1 (Centro) – São Paulo

Linha 10 Turquesa – Estação Pref. Celso Daniel-Santo André:
Rua Itambé, 87 (Centro)/ Rua Visconde de Taunay, s/nº (Centro) – Santo André

Trem Expresso Turístico Jundiaí

A apenas 60 km da capital paulista, Jundiaí e as cidades vizinhas reservam uma série de atrações. Uma delas é o Museu Ferroviário, da Cia. Paulista de Estradas de Ferro, que praticamente desenhou o mapa ferroviário do interior de São Paulo.

Há também as belezas naturais da Serra do Japi com suas trilhas e caminhadas, e o Circuito das Frutas, uma viagem nas fazendas produtoras de uva, morango, caqui, figo etc no entorno da cidade. Isso sem falar da bela arquitetura local, parques e feiras de artesanato.

A viagem

O trajeto é realizado semanalmente aos sábados, com partida às 8h30 na Estação da Luz e retorno às 16h30 na Estação Jundiaí. A viagem é feita a bordo de uma charmosa locomotiva da década de 50, totalmente reformada.

O trem segue pela estrada de ferro implantada em 1867 pela antiga SPR (São Paulo Railway Co.), empresa de capital inglês. Essa foi a primeira ferrovia de São Paulo e foi construída para levar, principalmente, o café produzido na região de Jundiaí até o Porto de Santos.

Atualmente chamada Linha 7-Rubi, ela ainda conta com estações construídas pela SPR, facilmente identificadas pela arquitetura em estilo inglês, como Perus, Caieiras e Jaraguá. Durante a viagem, que dura cerca de 1h30, monitores do Expresso Turístico fornecem informações históricas sobre a ferrovia.

Quando: aos sábados, às 8h30. Retorno de Jundiaí às 16h30

Quanto: trajeto Luz > Jundiaí
1 usuário: R$ 45
1 usuário e 1 acompanhante: R$ 75
1 usuário e 2 acompanhantes: R$ 105
1 usuário e 3 acompanhantes: R$ 135

Para quem gosta de pedalar, é possível comprar um bilhete extra para levar sua bicicleta no trem no Vagão Bicicletário (ida e volta):
1 bicicleta R$ 5
2 bicicletas R$ 10
3 bicicletas R$ 15
4 bicicletas R$ 20,00

Onde comprar: A passagem pode ser adquirida todos os dias, das 9 às 18h, nas bilheterias das estações Luz e Santo André. O bilhete de trem não contempla os passeios locais.

Central de Relacionamento e informações ao usuários 0800 055 0121

Embarque: estação da Luz
Linha 11 Coral – Estação Luz:
Praça da Luz, nº 01 (Bom Retiro) / Rua Mauá, nº 1 (Centro) – São Paulo

Trem Expresso Turístico Mogi das Cruzes

Localizada a 48 Km da capital paulista, Mogi das Cruzes compõe o grupo de municípios que formam o Alto Tietê, região próxima à nascente do Rio Tietê. A cidade, com cerca de 370 mil habitantes, é cortada pelas serras do Mar e do Itapeti.

Integrante do Cinturão Verde de São Paulo, atualmente Mogi é conhecida como centro produtor de flores, com destaque para as orquídeas, herança da forte presença japonesa na cidade na primeira metade do século 20. Além do Circuito das Flores, a cidade oferece inúmeras atrações turísticas, com roteiros rurais, culturais e ecoculturais.

A viagem

O trajeto, que dura cerca de 1h30, está sendo realizado no segundo sábado de cada mês, com partida às 8h30 da Estação da Luz e retorno às 16h30 na Estação Mogi das Cruzes.

Ao deixar a capital paulista, o Expresso Turístico toma a direção dos trilhos da antiga Estrada de Ferro Central do Brasil, ferrovia construída ainda no Império, em 1877, para ligar o Rio de Janeiro a São Paulo.

Atualmente esse trecho integra a Linha 12-Safira da CPTM, que conecta o Brás à Estação Calmon Viana. O trecho é conhecido como “variante” à atual Linha 11-Coral/Expresso Leste, que foi aberta ao tráfego em 1934. Nesse caminho restaram duas estações com prédios da década de 1920, Calmon Viana e Aracaré.

Durante o século 20, passaram por essa linha os mais importantes trens de passageiros de longo percurso que o Brasil já viu, ligando São Paulo ao Rio de Janeiro. Entre eles estavam o Cruzeiro do Sul, o Santa Cruz e, mais recentemente, o “Trem de Prata”, que operou até 1998.

Quando: segundo sábado de cada mês, com partida às 8h30 e retorno às 16h30 na Estação Mogi das Cruzes.

Quanto: trajeto Luz > Mogi das Cruzes
1 usuário: R$ 45
1 usuário e 1 acompanhante: R$ 75
1 usuário e 2 acompanhantes: R$ 105
1 usuário e 3 acompanhantes: R$ 135

Para quem gosta de pedalar, é possível comprar um bilhete extra para levar sua bicicleta no trem no Vagão Bicicletário (ida e volta):
1 bicicleta R$ 5
2 bicicletas R$ 10
3 bicicletas R$ 15
4 bicicletas R$ 20,00

Onde comprar: A passagem pode ser adquirida todos os dias, das 9 às 18h, nas bilheterias das estações Luz e Santo André. O bilhete de trem não contempla os passeios locais.

Central de Relacionamento e informações ao usuários 0800 055 0121

Embarque: estação da Luz
Linha 11 Coral – Estação Luz:
Praça da Luz, nº 01 (Bom Retiro) / Rua Mauá, nº 1 (Centro) – São Paulo

Dica MeuFindi

No dia da viagem: A CPTM solicita aos passageiros do Expresso Turístico que se apresentem na data da viagem com pelo menos 30 minutos de antecedência ao horário do embarque. 

Reagendamento de viagem: O reagendamento de viagem pode ser feito uma única vez com até 72 (setenta e duas) horas de antecedência do horário de partida, mediante pagamento adicional de 30% sobre o valor da passagem.

Após esse período não será aceito pedido de reagendamento, ficando caracterizada a desistência de viagem. A solicitação de reagendamento de viagem deve ser feita na bilheteria em que foi adquirida a passagem.

Desistência: O passageiro que desistir da viagem poderá requerer a devolução de 70% do valor original da passagem quando solicitá-la com antecedência mínima de 30 (trinta) dias da data da viagem. Caso faça com menos de 30 (trinta) dias da data da viagem e até o horário previsto de partida da respectiva viagem, a devolução será de 50% do valor original da passagem. A solicitação de devolução deve ser feita na bilheteria em que foi adquirida a passagem.

Fonte: CPTM Companhia Paulista de Trens Metropolitanos

Continuaremos com muitas dicas sobre o São Paulo nos próximos posts.
Siga, acompanhe, curta e compartilhe!!!

#BomFindi

Siga MeuFindi nas redes sociais:
Facebook: www.facebook.com/MeuFindi
Blog: www.blogmeufindi.com.br
Instagram: www.instagram.com/meufindi/
Twitter: www.twitter.com/meufindi

Se você gosta de aproveitar o fim de semana, saber das novidades sobre tudo que acontece na sua cidade ou perto dela e ainda quer ajudar mais pessoas a curtirem um fim de semana perfeito, compartilhe MeuFindi com seus amigos.

Faça como milhares de leitores do MeuFindi, cadastre seu e-mail em nosso blog para receber novos conteúdos em primeira mão!

2 thoughts on “3 passeios de Trem imperdíveis partindo de SP para fazer nas férias”

Comments are closed.