São Bento do Sapucaí: ideal nos fins de semana de outono

Ideal para uma escapada de Fim de Semana, o município com natureza exuberante, rico em arte e artesanato, gastronomia, opções de esportes de aventura, passeios ao ar livre, ecoturismo, turismo rural, trilhas, cachoeiras, voo livre, dentre outros.

Cadastre-se para obter as vantagens do seleto grupo de pessoas que conhecerá a plataforma antes do lançamento oficial.
QUERO PARTICIPAR DO GRUPO!!!

Em São Bento do Sapucaí está o Monumento Natural Estadual da Pedra do Baú, que, com 1.950 metros de altitude, é um dos melhores pontos do estado para a prática de escalada. Também é possível chegar ao cume da pedra por degraus e conhecer as ruínas do primeiro abrigo de montanha do Brasil, da década de 50, além de avistar cidades do Sul de Minas Gerais e do Vale do Paraíba.

Na cidade, é possível experimentar o sorvete de queijo e encontrar peças de arte e artesanato feitas de palha e fibra de bananeira, palha de milho e de madeira, em lugares como a Casa do Artesão, Arte no Quilombo e Agroarte.

Como chegar: São Bento do Sapucaí está, a 180 km de São Paulo, 37 km de Campos do Jordão e 80 km de São José dos Campos.

De carro: Sistema Ayrton Senna/Carvalho Pinto (SP-070) até Quiririm, depois seguir pela SP-123 até o trevo e pegar a SP-046 até Santo Antônio do Pinhal. Cruzar a cidade e seguir pela SP-042.

De ônibus: Há poucos ônibus direto de São Paulo. Uma opção são os ônibus que saem do Terminal Rodoviário Tietê (São Paulo – SP) até São José dos Campos e lá pegar um ônibus para São Bento do Sapucaí.

Confira as dicas do MeuFindi das melhores atrações da cidade:

Igreja da Matriz
Construção datada nos meados de 1850 feita por escravos em adobe e barro cujo padroeiro escolhido pelos freis foi São Bento.

Funcionamento no Fim de Semana: sábados e domingos das 8h às 19h.
Quanto: Entrada Franca
Onde: Praça Cônego Bento de Almeida

Monumento Natural Estadual da Pedra do Baú
É um dos pontos mais procurados do Estado de São Paulo para passeios e atividades radicais. É considerada o cartão postal da cidade e da região. Para se chegar ao cume da Pedra é necessário subir 600 degraus em seus 1.950 m de altitude. Não é recomendado aventurar-se sem um guia de turismo e equipamentos específicos. Completam ainda o Complexo da Pedra do Baú as pedras adjacentes – Ana Chata e Bauzinho – que possibilitam uma vista excepcional de todo o Vale do Paraíba.

Possui, estacionamento, lanchonete. Com uma bela vista, o complexo rochoso oferece um passeio memorável. É recomendado o acompanhamento de monitores do município.

Quanto: Entrada Franca
Onde: Bairro do Paiol Grande

Capelinha de Mosaico
Capela de Santa Cruz revestida de mosaicos. 

Funcionamento no Fim de Semana: sábados e domingos das 8h às 18h.
Quanto: Entrada Franca
Onde: Rua 13 de Maio, 217 – Centro

Arte no Quilombo
Artesanato em palha de bananeira. No local é possível encontrar pessoas confeccionando suas peças.

Funcionamento no Fim de Semana: sábados e domingos das 10h às 18h.
Quanto: Entrada Franca
Onde: Rua projetada – Bairro do Quilombo

Cachoeira dos Amores
Cachoeira de águas limpas. No local também é possível fazer trilhas.

Funcionamento no Fim de Semana: sábados e domingos das 10h às 18h.
Quanto: R$ 2,50 por pessoa
Onde: Estrada do Paiol Grande km 5 – Bairro Paiol Grande.

Cachoeira do Toldi
Distante 25 km da cidade, a estrada de acesso é íngreme e cheia de pedras. Possui uns 20m de queda e a água é abundante e límpida. Está incrustada no meio da Serra do Baú, tem mais de 200m e é a mais alta de São Bento do Sapucaí. O bairro do Toldi também é procurado pelas pessoas que gostam de fazer caminhadas e estarem em contato com a natureza.

Funcionamento no Fim de Semana: sábados e domingos das 9h às 18h.
Quanto: R$ 3 por pessoa
Onde: Estrada do Paiol Grande km 13 – Bairro Paiol Grande.

Fonte: Site São Bento do Sapucaí 

Então se você esta sem tempo para fazer uma viagem longa, mas quer curtir o seu Fim de Semana de um modo diferente, vem com a gente!

#BomFindi

Siga MeuFindi nas redes sociais:
Facebook: www.facebook.com/MeuFindi
Blog: www.blogmeufindi.com.br
Instagram: www.instagram.com/meufindi
Twitter: www.twitter.com/meufindi 

Se você gosta de aproveitar o fim de semana, saber das novidades sobre tudo que acontece na sua cidade ou perto dela e ainda quer ajudar mais pessoas a curtirem um fim de semana perfeito, compartilhe MeuFindi com seus amigos.

Faça como milhares de leitores do MeuFindi, cadastre seu email em nosso blog para receber novos conteúdos em primeira mão!

Você gostou dessa dica de passeio?
Cadastre-se para obter as vantagens do seleto grupo de pessoas que conhecerá a plataforma antes do lançamento oficial.
QUERO PARTICIPAR DO GRUPO!!!

Amparo: Capital Histórica do Circuito das Águas

A cidade abriga um verdadeiro acervo histórico-cultural do apogeu do ciclo cafeeiro brasileiro, nos séculos XIX e XX, que está gravado em monumentos históricos, velhos sobrados, casario, hospitais, igrejas, colégios e antigas fazendas.

Cadastre-se para obter as vantagens do seleto grupo de pessoas que conhecerá a plataforma antes do lançamento oficial.
QUERO PARTICIPAR DO GRUPO!!!

Um passeio pelas ruas de paralelepípedos leva o turista a conhecer o centro histórico, com seu casario preservado e pequenas igrejas, além da antiga estação da Companhia Mogiana de Estrada de Ferro.

Primeira cidade a receber o título de estância hidromineral, por seu clima ameno e suas águas medicinais, Amparo também abriga diversas fazendas que oferecem aos turistas atividades relacionadas ao turismo rural por paisagens bucólicas em meio às montanhas.

+ Conheça: Lindóia é a Capital Nacional Água Mineral 

Amparo: fica a 130 km de São Paulo.

Como chegar
De carro: Sistema Anhanguera/Bandeirantes até Jundiaí e seguir pela Rodovia das Águas (SP-360). De ônibus: partem do Terminal Rodoviário Tietê (SP).

Dica MeuFindi das principais atrações

Observatório Municipal: Dentro de uma área rural de quase 60.000 metros quadrados, o Polo Astronômico de Amparo foi  estrategicamente construído em uma região privilegiada,  a 1.000 metros de altitude e com vistas maravilhosas de vales e morros da Serra da Mantiqueira.

Longe das luzes e poluição das cidades, no Polo Astronômico de Amparo é possível experimentar uma perfeita visualização do céu estrelado, ao contrário do que ocorre na grande maioria dos observatórios abertos ao público no Brasil, que se encontram dentro dos centros urbanos, sempre iluminados e poluídos.

Mais informações acesse o site: Polo Astronômico de Amparo.

Quando: Sessões Abertas ao Público aos Sábados das 16h às 22h.
Quanto: inteira R$ 20 – meia R$ 10.
Onde: Saída para o Bairro do Sertãozinho | Alt. km 29 da SP 95.

Estação Ferroviária da Companhia Mogiana

Inaugurada em 1875, era parte do Ramal que ligava Jaguariúna à Socorro. O Ramal foi extinto em 02 de janeiro de 1967, com a última partida do trem misto que veio de Monte Alegre do Sul às 16:00 hrs. A inauguração da Estação foi feita pelo Presidente da Província Dr. Sebastião José Pereira que chegou em Amparo em 15 de novembro de 1875, acompanhado da Diretoria da Companhia Mogiana de Estradas de Ferro. Onde: Praça Pádua Salles – Largo da Estação

Centro Histórico

Deixe o carro próximo à Praça Pádua Sales, onde fica a Antiga Estação Rodoviária, e volte no tempo ao caminhar pelo bairro. A Catedral Nossa Senhora do Amparo, a Igreja do Rosário e a antiga Casa de Câmara e Cadeia fazem parte do roteiro, assim como o Museu Bernardino de Campos, que ocupa um casarão de 1885, e o recém-restaurado Mercado Municipal. 

Turismo Rural – Confira os atrativos.

Fazenda Atalaia

Fazenda Atalaia

Aliando cultura, ecologia e gastronomia essa fazenda oferece ao visitante um belo cenário do turismo rural do município. Aqui você poderá participar da ordenha das vacas leiteiras, alimentar os animais, conhecer o processo de beneficiamento do café; fazer uma caminhada passando por plantações, mata nativa, casas de pedra e antigo leito de estrada de ferro da Companhia Mogiana; conhecer várias técnicas construtivas (pedra, taipa de mão e taipa de pilão), além de saborear um delicioso café com produtos da própria fazenda. 

Onde: Rodovia SP 352, Km 137,3
Mais informações: 19 3807-5545 / 19 99110-7793.

Fazenda Engenho das Palmeiras
Propriedade de extrema beleza serviu de cenário para as gravações da novela “O Rei do Gado” da TV Globo. Com belíssimas pinturas do início do século XX nas paredes internas e nos tetos da casa sede é a única fazenda na região que funcionou um antigo engenho de cana de açúcar. No interior da sede encontra-se também móveis, lustres e outros objetos da época áurea do ciclo do café. 

Onde: Rua João Pereira, 122
Mais informações: 19 3913-3160

Fazenda São Sebastião
Nessa fazenda, com cenário cinematográfico, já foram gravados vários comerciais e minisséries para TV. Hoje ela conta com um dos restaurantes mais procurados pelos visitantes, servindo pratos sofisticados em um local rústico e original, sendo numa antiga casa de colono. Além de conhecer toda sua parte histórica e deliciar saborosos pratos o visitante ainda pode descansar em uma rede sobre a sombra das árvores ou descontrair-se num passeio de pedalinho pelo lago.

Onde: Rodovia SP 360 – Km 124
Mais informações: 19 3808-3900

Fazenda Santa Ágatha

Localizada a 1200 metros de altitude com muita área verde e ar puro, essa fazenda oferece boas opções de lazer para todas as idades. Com várias atividades, o visitante pode conhecer o processo de produção de carvão vegetal, fazer caminhadas em trilhas pré-determinadas, andar a cavalo, praticar esportes de aventura, além de saborear uma deliciosa comida caseira servida no fogão à lenha. Para grupos escolares, clubes e associações a fazenda ainda oferece alojamento e monitores especializados para a vivência no meio rural. 

Onde: Estrada Municipal 286
Mais informações: 19 3807-5112

#BomFindi 

Então se você esta sem tempo para fazer uma viagem longa, mas quer curtir o seu Fim de Semana de um modo diferente, vem com a gente! 

Siga MeuFindi nas redes sociais:
Facebook: www.facebook.com/MeuFindi
Blog: www.blogmeufindi.com.br
Instagram: www.instagram.com/meufindi/
Twitter: www.twitter.com/meufindi

Se você gosta de aproveitar o fim de semana, saber das novidades sobre tudo que acontece na sua cidade ou perto dela e ainda quer ajudar mais pessoas a curtirem um fim de semana perfeito, compartilhe MeuFindi com seus amigos.

Você gostou dessa dica de passeio?
Cadastre-se para obter as vantagens do seleto grupo de pessoas que conhecerá a plataforma antes do lançamento oficial.
QUERO PARTICIPAR DO GRUPO!!!

Itu: apenas 100 km de SP é ideal no Fim de Semana | Como aproveitar

No centro histórico um rico patrimônio, como igrejas barrocas, casarões e museus. Na área rural podem ser visitadas diversas fazendas históricas que atualmente são abertas ao turismo.

Cadastre-se para obter as vantagens do seleto grupo de pessoas que conhecerá a plataforma antes do lançamento oficial.
QUERO PARTICIPAR DO GRUPO!!!

De fato, a cidade de Itu ainda preserva na Praça da Matriz o icônico orelhão gigante e esse apelo movimenta no entorno as lojinhas de souvenires cheias de lápis, notas de real e cotonetes imensos.

Mas o destino, a 100 km da capital, se notabiliza por outros predicados. A cidade era uma das vilas mais ricas de São Paulo no fim do período colonial e ganhou o título de Berço da República ao sediar a reunião que ajudou a pôr fim ao período monárquico. Lá estão bonitos largos, igrejas, museus e casarios que remetem a cidades históricas mineiras.

O lugar também está repleto de antiquários que pedem uma visitinha, nem que seja só para ver os incontáveis móveis e objetos religiosos de tempos passados. Para além do Centro, os atrativos se expandem à área rural, com suas fazendas dedicadas ao café e ao chocolate, algumas delas datadas do século XVII.

Como chegar: Itu fica à 100 km de SP | 47 km de Campinas | 39 km de Sorocaba
De carro: Rodovia Castello Branco (SP-280) até o trevo de Sorocaba, depois seguir pela Rodovia do Açúcar (SP-075) até Itu.
De ônibus: partem do Terminal Rodoviário Barra Funda – SP.

Confira as dicas do MeuFindi dos melhores atrações de Itu:

Centro Histórico

Museu Republicano “Convenção de Itu”
itu
O museu é mantido pela USP no prédio em que se deu a primeira convenção republicana do Brasil, em 1873, que reuniu 133 paulistas, a maioria de cafeicultores, e que rendeu a Itu a alcunha de “Berço da República”. A coleção exposta ali abrange mobiliário, documentos e textos sobre a chamada Primeira República.

Quanto: Entrada Gratuita
Funcionamento no fim de semana: sábados e domingos das 10h às 17h.
Onde: Rua Barão de Itaim, 67 – centro

Museu da Energia
Museu da Energia
No início do século XX, o prédio abrigou a primeira companhia de distribuição de energia elétrica na região, a Companhia Ituana Força e Luz. Restaurado, exibe suas características originais, a exemplo da fachada de azulejos portugueses. Aparelhos antigos, maquetes de casas e relógios de força mostram os usos e costumes anteriores e imediatamente posteriores à implantação da eletricidade, no período de 1850 a 1950. 

Quanto: ingresso R$ 4,00.
Funcionamento no fim de semana: sábados e domingos das 10h às 17h.
Onde: Rua Paula Souza, 669 – centro

Fábrica São Luiz e Fabrica de Carrinhos de Rolimã
Fabrica Sao Luiz
Foi a primeira indústria a vapor do estado, de 1869. Convertido 10 anos atrás em espaço para eventos, ainda preserva os detalhes da arquitetura original, como a grande caldeira, datada de 1866, e as paredes de tijolos aparentes aos moldes das construções inglesas da era industrial. Tombado pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico (Condephaat) e pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), o endereço abriga nos fundos uma pequena fábrica de carrinhos de rolimã.

Quanto: Entrada Gratuita
Funcionamento no fim de semana: sábados e domingos das 8h às 18h.
Onde: Rua Paula Souza, 492 – centro

Gastronomia

Steiner (Bar do Alemão)
Steiner
Aberto em 1902 como padaria pelo imigrante Max Steiner, o endereço só se tornou restaurante na década de 40. Curiosamente, ganhou fama por um prato de estilo italiano, o filé à parmigiana. Grandalhão, o bife empanado vem mergulhado em muito molho de tomate, ao lado de arroz. Colunas de madeira escura, mesas cobertas por toalha branca e pesadas cadeiras acolchoadas compõem o ambiente, tradicionalista como o serviço feito por uma brigada das antigas.

Funcionamento no fim de semana: sábados e domingos das 11h30 às 23h.
Onde: Rua Paula Souza, 575 – centro
Natureza e aventura

Fazenda do Chocolate – para passar o dia
Fazenda do Chocolate
Ponto de apoio dos bandeirantes em suas viagens às margens do Rio Tietê, ela mantém algumas construções coloniais do século XVII, como a casa-sede e a senzala, hoje ocupadas por lanchonetes e lojinhas, bem como um viveiro de bichos como pavões, araras, lhamas e ovelhas. Nos fins de semana, são promovidas atividades como passeio a cavalo e visita à fábrica de chocolate, que começa em uma estufa de cultivo de cacau e termina com a degustação dos quitutes (R$ 24,90 por pessoa). Tem mais: Cavalgada R$ 42 por pessoa, passeio de pônei R$ 6 para crianças entre outras atrações.

Funcionamento no fim de semana: sábados e domingos das 8h30 às 18h.
Onde: Estrada Parque (Estrada dos Romeiros), Km 90, s/n – Pedregulho.
Como chegar: https://goo.gl/3uPNVr

Parque Geológico do Varvito
parque
Varvito que batiza este lugar é uma formação geológica da Era Glacial, que chama atenção pelas camadas de diferentes tons de cinza. Instalado na área de uma antiga pedreira, na zona urbana de Itu, o parque abriga não somente os paredões onde pode-se ver esse tipo de rocha como também bosques, lagos, cascatas e quiosques, totalizando 45 mil metros quadrados.

Quanto: Entrada Gratuita
Funcionamento no fim de semana: sábados e domingos das 8h às 17h.
Onde: Rua Parque do Varvito, s/nº – Nossa Senhora da Candelária
Como chegar: https://goo.gl/AUUhvn

Parque Maeda – para passar o dia
Parque MaedaParque Maeda
Tirolesa, arvorismo, pesqueiro, piscinas com toboáguas e muito mais. Vale reservar o dia para curtir sem pressa o Parque Maeda. O visitante escolhe se quer pagar por atração ou então comprar o passaporte, que custa 80 reais e dá direito a várias delas (crianças de 5 a 10 anos pagam 60 reais). Nos fins de semana, o lugar dispõe também de pousada, restaurante e um jardim japonês.

Espaço muito agradável, possui 16 mil metros quadrados de plantas, espelhos d’água e outros elementos que remetem ao Japão. Para chegar ao jardim, que é um dos maiores do Brasil, os visitantes têm como opção um passeio de trenzinho ou de teleférico.

Onde: Rodovia SP 75 (Archimedes Lammoglia) Km 18
Como chegar: https://goo.gl/k0zcRK

Funcionamento no fim de semana: sábados e domingos das 9h às 16h e para pesca das 7h às 18h. 

#BomFindi 

Então se você esta sem tempo para fazer uma viagem longa, mas quer curtir o seu Fim de Semana de um modo diferente, vem com a gente! 

Siga MeuFindi nas redes sociais:
Facebook: www.facebook.com/MeuFindi
Blog: www.blogmeufindi.com.br
Instagram: www.instagram.com/meufindi/
Twitter: www.twitter.com/meufindi

Se você gosta de aproveitar o fim de semana, saber das novidades sobre tudo que acontece na sua cidade ou perto dela e ainda quer ajudar mais pessoas a curtirem um fim de semana perfeito, compartilhe MeuFindi com seus amigos.

Você gostou dessa dica de passeio?
Cadastre-se para obter as vantagens do seleto grupo de pessoas que conhecerá a plataforma antes do lançamento oficial.
QUERO PARTICIPAR DO GRUPO!!!

Caraguatatuba: 35 km de praias e muitas opções de lazer

Porta de entrada para o Litoral Norte Paulista, Caraguatatuba é o maior município da região e conta com boa infraestrutura para atender ao turista, comércio diversificado e o setor de serviços bem desenvolvido.

passeio
A cidade conta com praias para todos os gostos: agitadas, tranquilas e selvagens e de maneira geral quem vem para cidade, desfruta de inúmeras opções de lazer, como passeios de escuna até a ilha Tamanduá ou uma trilha no Parque Estadual da Serra do Mar que é uma das maiores atrações turísticas da região.

Largas avenidas à beira-mar, calçadões e ciclovias ao lado de belas praias. As mais bonitas ficam ao norte e alternam trechos de águas calmas, como Tabatinga e Cocanha, e ótimos locais para a prática do surfe, como as praias Brava e Martim de Sá.

Caraguatatuba: fica a 170 km de São Paulo.

Como chegar:

De carro: Sistema Ayrton Senna/Carvalho Pinto (SP-070) até a entrada da Rodovia dos Tamoios (SP-099), seguir até Caraguatatuba e pela Rodovia Rio-Santos, SP-55,  que é o principal acesso para quem chega do Litoral Sul de São Paulo. A rodovia também é o principal caminho para quem pretende chegar a Caraguá vindo do Litoral Sul do Rio de Janeiro.

De ônibus: partem do Terminal Rodoviário Tietê (São Paulo – SP). 

Dica MeuFindi, as melhores e principais atrações da cidade:

Ilhas

Ilha do Tamanduá

É a maior ilha de Caraguá e seu acesso é feito por barcos que saem das praias Mococa, Cocanha e Tabatinga. A ilha encanta pela natureza intocada e é indicada para mergulho. Os visitantes devem recolher todo lixo que produzirem para preservar esse verdadeiro paraíso ecológico.

Ilhote da Cocanha

Passeios ecológicos e aventuras podem ser vividas neste ilhote localizado em frente à praia da Cocanha. De barco, caiaque ou lancha, vale a pena um passeio por este maravilhoso recanto em Caraguá. O visitante pode optar por fazer uma caminhada leve e visitar o antigo casarão que existe ali ou, ainda, dar um mergulho na praia.

Praias

Praia Brava: fica a 4 km do centro da cidade, fica entre as praias do Capricórnio, ao norte, e a de Martin de Sá, ao sul.

Praia da Cocanha: fica a 11 km do centro da cidade, seguir pela rodovia Rio-Santos em direção à Ubatuba pode acessar a praia da Cocanha logo após a foz do Rio Gracuí, que a separa da praia de Massaguaçu.

Praia da Mococa: fica a 14 km do centro da cidade. É conhecida por suas águas tranquilas e quase sem ondas, ideal para a prática de caiaque, que pode ser alugado no local.

Praia das Flexeiras: com águas tranquilas e rasas, o que a torna um local ideal para banho de mar. É indicada para idosos e criança.

Praia das Palmeiras: com águas calmas e límpidas, faixa de areia extensa e muitos quiosques, bares e restaurantes espalhadas. Palmeiras é uma das praias preferidas pelos praticantes de pesca em Caraguá.

Praia de Massaguaçú: fica a 8 km do centro da cidade. Águas limpas, vista privilegiada para Ilhabela e um mar verde esmeralda de pura beleza são os principais atrativo de uma das praias mais bonitas do Litoral Norte de São Paulo.

Praia do Camaroeiro: ponto de encontro de pescadores e oferece um belo visual dos barcos pesqueiros. A maior atração é uma caminhada pela costeira até a Ponta do Camaroeiro, onde se pode conhecer a famosa Pedra do Jacaré e a Pedra da Freira, verdadeiras obras de arte esculpidas pela natureza.

Praia do Capricórnio: fica a 6 km do centro da cidade. É uma das mais longas orlas de Caraguatatuba, tem aproximadamente 4 km de extensão e é caracterizada pela areia grossa, água limpa e ondas fortes.

Praia do Centro: ocupa toda a orla do centro da cidade até o rio Santo Antônio, que a separa da Praia do Indaiá. É frequentada por famílias e oferece excelentes condições para a prática de esportes, caminhadas e banhos de mar. Nela, está localizado o Parque de Diversões e o Centro de Diversões Aquáticas.

Praia do Garcez ou Praia da Freira: ao lado do Camaroeiro e o acesso é por meio de pequena trilha no Morro da Pedreira. Nessa praia, está localizado um dos pontos turísticos mais visitados: a Pedra da Freira, uma formação rochosa que lembra uma freira ajoelhada olhando para o mar.

Praia do Indaiá: paisagem exuberante e faixa de areia larga, é ideal para crianças por suas águas tranquilas. Nela, encontra-se a Pista Oficial de Bicicross e a Pista de Pouso para ultraleves. O local oferece também uma linda vista para o norte de Ilhabela e para as Ilhas Búzios e Vitória. Fica a 1,5 km do centro.

Praia de Martin de Sá: é a mais badalada praia de Caraguá. Ponto de encontro dos jovens, que frequentam a cidade nos fins de semana, feriados prolongados e temporada de férias. Barzinhos e quiosques, muitos com música ao vivo, disputam a preferência dos visitantes.

Praia Pan Brasil: é repleta de quiosques, restaurantes e lanchonetes e é continuação da praia do Indaiá. Muito procurada pelos turistas, o local tem extensa faixa de areia e árvores que proporcionam proteção do sol forte.

Praia da Tabatinga: fica a 18 km do centro da cidade, esta praia com extensa faixa de areia está no extremo norte do município e faz divisa com o município de Ubatuba.

Prainha: charmosa, é uma praia que faz a ligação entre a Ponta do Camaroeiro e a Praia Martim de Sá. É muito frequentada por quem tem crianças, pois possui águas calmas e rasas. Tem ótima estrutura com quiosques.

Praia do Porto Novo: é indicada para a prática de caminhada e outros esportes, como futebol, frescobol, vôlei, entre outros. É comum a observação de aves marinhas, como garças e atobás que se alimentam na região.

Praia do Romance: Ideal para banho de mar e caminhadas ao longo da orla. É tranquila e costuma ter pouco público.

Pontos Turísticos

Centro de Compras: centro comercial bastante desenvolvido, com variedade em opções de compras. Os shoppings, o Calçadão Santa Cruz e as lojas de rua proporcionam agradáveis passeios ao visitante.

Fazenda de Mexilhão: a maior do estado de São Paulo localiza-se na Praia da Cocanha. As atividades são desenvolvidas por pescadores locais, que produzem em torno de 8 mil toneladas por ano. Pode-se fazer passeios de barco para conhecer o cultivo.

Feira do Artesanato: realizada na Praça Diógenes Ribeiro de Lima, e funciona diariamente na temporada e feriados, à tarde e à noite. É famosa pela diversidade de produtos à venda.

Lagoa Azul: é um dos principais atrativos da Praia do Capricórnio. Tranquila, a lagoa de água doce, contrasta com as fortes ondas e o mar aberto, separados por bancos de areia branca.

Mirante: os encantos de Caraguatatuba começam no caminho com as encostas cobertas pela Mata Atlântica, a grande planície litorânea e o mar azul compondo a vista panorâmica que se contempla do alto da serra.

Morro Santo Antônio: avista-se toda a enseada formada por Caraguatatuba e São Sebastião, tendo ao fundo a Ilhabela. A paisagem é belíssima e mostra uma Caraguá projetada, urbanizada e linda!

Parque Estadual da Serra do Mar: nas trilhas podem ser avistadas árvores centenárias, raras espécies da fauna e flora nativas da Mata Atlântica. O visitante pode desfrutar de deliciosos mergulhos nas piscinas naturais e cachoeiras.

Funcionamento no fim de semana: sábado, domingo e feriados, das 8h às 17h.

Quanto: R$ 12 por pessoa. Crianças de até 12 anos, adultos com mais de 60 e pessoas com deficiência também não pagam. Estudantes pagam meia entrada, mediante apresentação de documento.

Onde: Rua do Horto Florestal, nº1200 – Rio do Ouro/ Caraguatatuba – SP Obrigatório o uso de calçado fechado para realização das trilhas.

Pedra da Freira: na Praia do Garcez, encontra-se essa formação rochosa que lembra uma freira ajoelhada olhando para o mar. As lendas a respeito desta rocha encantam todos os visitantes.

Pedra do Jacaré: bela escultura natural no formato de um jacaré fica na Prainha. Uma pequena trilha leva o visitante até o local. Da areia avista-se a famosa Pedra, que atrai adultos e crianças.

Então se você esta sem tempo para fazer uma viagem longa, mas quer curtir o seu Fim de Semana de um modo diferente, vem com a gente! #BomFindi

Se você gosta de aproveitar o fim de semana, saber das novidades sobre tudo que acontece na sua cidade ou perto dela e ainda quer ajudar mais pessoas a curtirem um fim de semana perfeito, compartilhe MeuFindi com seus amigos.

Santo Antônio do Pinhal perto de SP ideal no fim de semana

A Estância Climática de Santo Antônio do Pinhal, localizada a mais de 1.200 metros de altitude, possui um clima hospitaleiro e agradável, o ano todo, perto de SP é ideal no fim de semana.

Além da excelente localização geográfica, e de toda a receptividade da população local, a cidade experimentou um grande salto de qualidade no setor de infraestrutura, nos últimos anos.

viagem

Ao lado de Campos de Jordão, Santo Antônio do Pinhal é bem mais tranquila e tem uma paisagem típica da Serra da Mantiqueira. A cidade abriga o Pico Agudo, considerado um dos principais lugares para prática do voo-livre no estado.

Para quem gosta de caminhar, a pedida é uma visita ao Mirante Nossa Senhora e ao Morro do Cruzeiro, além de um banho nas cachoeiras do Cassununga e do Lageado. A cidade também é conhecida por suas fontes de água com propriedades medicinais, como: a Fonte Santo Antônio (águas radioativas), a Fonte Santo Estevam (ferruginosas) e a Fonte São Geraldo (magnesiana).

Principais atrações da cidade

O mais visitado

Estação Eugênio Lefreve: apenas 19 km de estrada de ferro separam as duas cidades, porém, o traçado sinuoso e repleto de curvas e rampas é vencido somente depois de mais de duas horas de viagem.

No caminho, bonitas paisagens como a emoldurada pela ponte metálica sobre pilares de pedra. O roteiro inclui também a passagem pelo trecho de ferrovia mais elevado do país, o Alto do Lageado, a 1.743 metros de altitude. Saídas de fim de semana: aos sábados as 10h e 14h.

Turismo Rural

Pesqueiro e Restaurante Sítio Matão: é uma reserva remanescente de mata atlântica, que desde 1984 dedica-se à criação de trutas. É uma ótima e completa opção de lazer com chalés, pesqueiro, trilhas ecológicas com cachoeiras e, é claro, um excelente restaurante.
Onde: Estrada do Barreirinho, Rio Preto

Fazenda Renópolis: com 40 tipos de chás, cujas ervas são cultivadas organicamente e depois desidratadas, mas o chá também pode ser feito com folhas frescas colhidas na horta, à vista do freguês. Para completar, destaque para o bolo de fubá e o Orquidário.
Onde: Rod. Floriano Rodrigues Pinheiro, Km 38

Fazenda Água da Capoeira: As porteiras se abrem aos sábados , Domingos e feriados – em alta temporada também as sextas – para um almoço completo, passeio a cavalo, mini fazendinha, redário, deck, mirante para contemplação de grande parte da Serra da Mantiqueira e Pedra do Baú. Onde: Estrada do Barreirinho – Km 2,5

Cachoeiras

Santo Antônio do Pinhal possui belas cachoeiras e rios de águas cristalinas. A melhor opção é a Cachoeira do Lageado, além da  Cachoeira do Cassununga e do Sítio Matão.

Cachoeira do Lageado: é a mais bonita e com a melhor estrutura para atender aos seus visitantes. Ao redor da cachoeira, existe  uma área arborizada com bastante sombra, gramado, mesas e área para piquenique.

A estrutura local conta com cantina nos fins de semana, além de sanitários e trilhas. Para a visita à cachoeira é cobrada uma pequena taxa de manutenção. Conferir no local o valor.
Onde: Estrada do Lageado, a 7 km do centro de Santo Antônio do Pinhal.

Cachoeira do Cassununga: localizada ao lado da Rodovia SP 050 e tem fácil acesso, para chegar até a queda maior existe uma pequena trilha. Para quem pretende visitar a cachoeira, uma referência é um bar que fica ao lado de uma pequena ponte.

Cachoeira do Sítio Matão: possui 2 quedas sequentes que somadas ultrapassam 10m de altura, com águas limpas, geladas e cristalinas, ótima para massagear as costas, mas isso tudo para os mais corajosos, pois a água é muito gelada.

Onde: próxima ao Pesqueiro de Trutas Sítio Matão, o acesso é feito por uma trilha de aproximadamente 15 minutos de caminhada leve em meio à mata, passando por pequenas pontes sobre ribeirões de águas cristalinas. Informe-se antes no Pesqueiro Sítio Matão.

Picos e Montanhas

A mais conhecida é o Pico Agudo com 1700m de altitude, sendo o local muito procurado pelos praticantes de voo livre e também por turistas que vislumbram dali uma vista de 360° de toda a região. O ponto mais alto é a Pedra Preta ou Falésia da Fazenda Renópolis com quase 2000m de altitude.

Pico Agudo: é um dos principais pontos de decolagem de voo livre do estado de São Paulo e Serra da Mantiqueira. O acesso é feito partindo do trevo no centro da cidade de Santo Antônio do Pinhal.

São aproximadamente 7 km com trechos asfaltados e de terra. Infelizmente o local não possui estrutura de restaurante e sanitários. Pode-se estacionar o carro no topo do pico, ao lado dos pontos de decolagem.

Falésia Renópolis: ponto mais alto do município. Para chegar até a falésia existe uma trilha de nível difícil. Na falésia existe uma também uma via de escalada.
O acesso é feito pela Fazenda Renópolis, consulte as condições para se chegar ao cume da falésia na Fazenda.

Mirante – Vista Chinesa: fica entre Santo Antônio do Pinhal e Campos do Jordão, na Rodovia Floriano Ribeiro Pinheiro. No local existem trailers que vendem salgados, lanches, doces, pamonhas e bebidas. O acesso é fácil e possui estacionamento.

Mirante – N. Sra Auxiliadora: fica ao lado da Estação Eugênio Lefrève e possui linda vista para o Vale do Paraíba. O acesso é fácil: estacione na estação e siga por uma calçada ao lado da estrada de ferro por aproximadamente 300m.

Como chegar: 170 km de São Paulo.
De carro: Rodovia Ayrton Senna/Carvalho Pinto (SP-070) até Caçapava e depois seguir pela Rodovia Monteiro Lobato (SP-050). De ônibus: partem do Terminal Rodoviário Tietê (SP).

Aproveite o fim de semana e curta os amigos e a família.

#BomFindi.

Se você gosta de aproveitar o fim de semana, saber das novidades sobre tudo que acontece na sua cidade ou perto dela e ainda quer ajudar mais pessoas a curtirem um fim de semana perfeito, compartilhe MeuFindi com seus amigos.